Artigos Mais Lidos

Psicoterapia Holística

Ato Falo

Ops, quero dizer: “Ato Falho” !

Claro que, quando realizado de propósito, trata-se de uma piada. No caso do título deste artigo, a simulação “homenageia” Freud e uma de suas pautas mais polêmicas.
 
Outrossim, no contexto terapêutico, dizer uma coisa, quando se pretendia expressar outra, pode ser bastante significativo, expressando desejos inconscientes. 
 

As Bolsas Das Mulheres

Mesmo que a maioria das mulheres modernas não aceite a tese de que o design da sua bolsa atrai a atenção masculina, todas concordam com a importância e utilidade da bolsa que representa um estilo de moda;  um recurso indispensável para carregar as coisas;  e um objeto para a segurança e  manutenção de uma imagem mais bonita e garrida.

Dependendo do caso, tudo o que está na bolsa é fundamental.

As mulheres se sentem protegidas e talvez, sua bolsa revele fragmentos da sua personalidade

O Cliente E A Satisfação

[caption id="attachment_712" align="alignleft" width=""]O Cliente Como Espelho - Arte Digital: Henrique Vieira FilhoO Cliente Como Espelho – Arte Digital: Henrique Vieira Filho[/caption]

O trabalho do Psicoterapeuta é fundamentado no estudo do comportamento social e dos processos mentais. 

Não trata de "doenças", não enuncia diagnóstico, tampouco é um vendedor de serviço.

Deve estar capacitado para acolher, escutar e interpretar o cliente naquilo que contém em alguma coisa da sua fala. 

Contudo, tem o dever de esclarecê-lo e ajudá-lo a libertar-se da impossibilidade que se encontra no atual curso de sua vida, ou seja, ampliar o seu autoconhecimento.

Psicoterapia Integrativa

[caption id="attachment_732" align="alignleft" width=""]Chakras de Quiron - Modelo: Polly - Arte Digital: Henrique Vieira FilhoChakras da Terra – Modelo: Rilda – Arte Digital: Henrique Vieira Filho[/caption]
A psicoterapia holística é o estudo do conjunto das vibrações que o compõe como força energética.
 
Para isto é possível lançarmos mãos do mapa pessoal astrológico, da análise dos chakras e principalmente dos relatos feito pelo o cliente em como lida com as informações contidas à sua volta.
 
Tudo que desejamos no plano físico é possível de realizar se obtiver consciência da capacidade de criação que é natural do Ser Humano.
 
O corpo fala e conta a estória de como está sendo vivida suas histórias e como esta sendo incorporados em seus arquétipos.
 
Levar o indivíduo a compreensão de seu arquétipo é o objetivo da terapia holística, levando-o a reconhecer de fato qual é a sua força, sua missão e direção de vida.
 
Aqui apresento os elementos dos aspectos astrológicos, com ênfase em Quíron e nos elementos, com o propósito de ir direto ao equilíbrio do ser encaminhando o indivíduo à “cura de suas feridas”.
 

O Complexo De Jonas

Jonas e a Baleia  - Modelo: Nathara - Arte Digital: Henrique Vieira Filho

Segundo o filósofo e teólogo francês Jean-Yves Leloup, os personagens bíblicos são expressões de arquétipos do inconsciente. 
 
O estudo de seus temperamentos, comportamentos, anseios, dúvidas, convicções, jornadas, vitórias e derrotas constitui vasto campo de reflexão sobre os conteúdos da psique humana. 
 
Neste trabalho, o personagem bíblico Jonas e seus conflitos traduzem o emaranhado de emoções e complexos que submetem os destinos humanos, podendo, quando observados e analisados, conduzir o indivíduo à libertação e à auto-realização, seja por iniciativa própria, seja através da simbólica incubação no ventre do monstro.
 

 

 

Inteligência Emocional

[caption id="attachment_727" align="alignleft" width=""]Pensando Com O Coração - Arte Digital: Henrique Vieira Filho - Modelo: RildaLivro Aberto – Arte Digital: Henrique Vieira Filho – Modelo: Rilda[/caption]

O estudo das emoções sempre despertou interesse. Há  milênios filósofos e pesquisadores tentam compreender seus mecanismos. Na  Grécia antiga já era objeto da Filosofia. Dentre os filósofos gregos, Sócrates se  apresenta como o precursor da relação da pessoa com os outros e com o mundo.  Platão atribui a ele a máxima “conhece-te a ti mesmo” (348 A.C.). 
 
Porém, até hoje, questões intrigantes desafiam o conhecimento humano: 
 
1.  Por que algumas pessoas passam praticamente ilesas a situações  estressantes e outras nem tanto?  
2.  Como dominar as emoções, sobretudo as de caráter negativo, de  modo a viver em paz e ser feliz?  
 

O Surgimento da Psicanálise

[caption id="attachment_744" align="alignleft" width=""]Escuta Psicanalítica - Modelo: Rilda - Arte Digital: Henrique Vieira FilhoEsqueleto Mística – Modelo: Rilda – Arte Digital: Henrique Vieira Filho[/caption]

A falta de controle sobre o ato (modo de proceder; conduta), o emocionalismo (exploração de um fato ou matéria capaz de emocionar), a ansiedade (expectativas reais ou imaginárias), o exagero no efeito de impressões sensoriais (estado físico resultante de situações externas por intermédio dos órgãos dos sentidos), e a simulação (disfarce) de diversos comportamentos, foram por longos anos caracterizados como histeria, termo cunhado pelos gregos e profusamente usado por Hipócrates ( 460 a.C. 370  a.C.)  que definiu o estado histérico como sendo decorrente do movimento irregular do sangue do útero para o cérebro, ou seja, um comportamento exclusivo de mulheres.